domingo, 6 de março de 2011

Despedidas

E adeus.
Odeio. E não me consigo habituar.
Custa sempre. Sempre.
E, há mais de 11 anos, que tenho que lidar com elas.
Nunca estou totalmente completa.
Se estou em Lisboa, falta-me Braga e os meus Bracarenses.
Se estou em Braga, faltam-me as pessoas de Lisboa.
E será sempre assim.
Quem me mandou apaixonar por um mourinho jeitoso?

1 comentário:

  1. Mudamos todos para Coimbra. Está decidido!

    P.

    ResponderEliminar